Petrobras monta supercomputador para acelerar pesquisa sísmica

A Petrobras possui um equipamento que vai aumentar em dez vezes a capacidade de processamento de imagens de áreas com potencial de produção de gás e óleo. É o Grifo04, um supercomputador que tem capacidade de processamento de 1 petaflop (1 quatrilhão de operações matemáticas por segundo). Ele vai estar no ranking dos 500 supercomputadores mais potentes do mundo, que é feito semestralmente pela empresa Top 500. Já é o mais veloz do Brasil.

O Grifo04 foi projetado pela equipe de tecnologia da informação (TIC) da Petrobras, em parceria com a área de Exploração e Produção (E&P), e consome 90% menos energia que um supercomputador vendido no mercado atualmente.

Além de maior precisão na prospecção de petróleo e gás, o Grifo04 também trouxe economia para a Petrobras. Se o supercomputador não fosse montado, seria necessário gastar R$ 180 milhões num novo Centro de Processamento de Dados. O custo do Grifo04 foi de R$ 15 milhões.

A Petrobras é pioneira no uso dessa tecnologia na indústria do petróleo (começou em 2007, com seus técnicos publicando artigos internacionalmente). “O parque de computação de alto desempenho tem saltos tecnológicos a cada dez anos, e a nossa meta é acompanhar esses saltos”, conta o analista de sistemas Bernardo Fortunato Costa.

 

Fonte.

 

Anúncios

About Engenharia RMC

Canal da Região Metropolitana de Campinas.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: